Uso das principais ervas e temperos da culinária para doces e salgados

image_pdfimage_print

Açafrão: utilizado em frango, peixes, crustáceos, arroz, risotos, paellas, molhos, farofas, dobradinhas, carne de carneiro, sopas, pães e biscoitos.

Aipo ou Salsão: utilizado em saladas, ensopados, peixes, carnes, ovos. Também pode ser usado para temperar caldos ou sopas.

Aji-no-moto ou glutamato monossódico (tempero japonês): é um produto químico usado para realçar o sabor dos alimentos, derivado de beterraba, milho e trigo. Deve-se tomar cuidado com a quantidade usada na preparação de alimentos.

Alcaparra: utilizado em molhos, carnes, saladas, conserva de vinagre ou na salmoura e guarnições.

Alecrim: para molhos, sopas, carnes “vermelhas” (bovina, carneiro, cabrito, porco), assados ou grelhados, aves, peixes, saladas, patês de fígado, ovos mexidos, omeletes, ensopados. Nas carnes deve ser esfregado na superfície e, em aves, também por dentro. Na forma de chá é um ótimo estimulante, combate o cansaço físico e mental.

Alho: para carnes, molhos, recheios, peixe, aves, pão de alho e sopas. Pode ser usado como condimento para todos os tipos de pratos. É comum ser utilizado em combinação com a cebola.

Alho-poró: empregado em sopas, saladas, ensopados e quirches.

Aneto, Dill ou Endro: utilizado como aromatizador de licores, xaropes e vinagres. Como condimento em picles, molhos para peixe ou camarão, sopas, cremes, salada de batatas, molhos a base de maionese e iogurte, pães de ervas.

Azeite de dendê: usado na culinária baiana como em moqueca, vatapá, carurú, acarajé, etc.

Baunilha: utilizada em cremes, pudins, molhos doces, bolos e sorvetes.

Canela: utilizada em pó ou em pau, em molhos, bolos, doces, biscoitos, sobremesas, caldas, compotas, panquecas, canjicas, pães, bebidas quentes ou frias e até em algumas receitas de carne.

Cebolinha: para carnes, peixes, refogados, sopas, saladas, omeletes, patês, massas, risotos e maioneses.. Em pratos quentes, adicionar ao final do cozimento.

Cardamomo: utilizado para pães, biscoitos, saladas, na culinária indiana. Também é utilizado em utilizado em sopas, carnes de porco, bolos, tortas, pudins, etc. Mastigar os grãos após as refeições ajuda na digestão e refresca o hálito.

Cheiro-verde: é a salsa com a cebolinha, com uma pitada de louro. Pode ser utilizado para realçar sabores de patês, molhos, cozidos, omeletes, sopas e saladas.

Chili: É usado em aves, peixes, carnes, molhos para churrasco e saladas. Tradicional na culinária mexicana.

Coentro: utilizada para temperar conservas, sopas, aves, peixes (ensopados ou assados), frutos do mar, carne de carneiro, recheios de tortas, massas, pães de gengibre, biscoitos. Seco, é usado no preparo de pães, de picles e assados de porco e peixe. Adicione sempre no final do cozimento.

Colorau ou Colorífico: usado para dar cor aos alimentos industrializados, molhos e preparações caseiras, como a Moqueca Capixaba, sem interferir no sabor.

Cominho: utilizado em tempero em carnes assadas em geral, frango, molhos, linguiças, queijos, pastéis, pães, pratos orientais e mexicanos, cozimento de hortaliças, saladas de batatas, repolho, feijão, etc.

Cravo-da-Índia: utilizado em doces, sobremesas, chás, assados, bebidas, molhos, biscoitos, compotas e picles.

Cúrcuma: utilizada em pratos da cozinha baiana, indiana e asiática.

Curry ou Caril ou Garam Masala: usado em pratos orientais, frango, carnes, peixes, camarões, arroz e molhos.

Erva-doce: usada em bolos, doces em calda, pães, licores, biscoitos. Também pode usar como chá.

Essência de amêndoa: utilizada para aromatizar preparações doces.

Essência de baunilha: utilizada para aromatizar preparações doces.

Essência de menta: utilizada para dar sabor e aroma às bebidas e preparações culinárias.

Estragão: utilizado para condimentar molhos para peixes, aves, especialmente frango, omeletes, saladas de queijos brancos, manteiga, carne, cordeiro, molhos para salada, molho de mostarda e maioneses. Aromatizador de vinagres para picles e mostardas. Também usado para temperar suco de tomate.

Feno Grego: para temperar carnes e picles.

Gengibre: utilizada para enriquecer o sabor de bebidas quentes, pães, biscoitos, carnes, aves, batata doce, cenoura e outros vegetais, bolos e pratos orientais. Usado em quase todos os tipos de pratos.

Gergelim: utilizado em bolos, pães, biscoitos, massas, na culinária chinesa ou sírio-libanesa.

Hortelã-pimenta ou Menta: usado na cozinha árabe, em saladas, com ervilhas, beterraba, cenoura, batata, sopas, molhos, doces, licores, sorvetes, sucos e também em drinques. Também usado em carne de carneiro e em molhos a base de limão. É refrescante como chá gelado.

Louro: usado em temperos de carne, peixe, frango, camarão, lentilhas, assados, ensopados, feijão, sopas de verduras, molhos, conservas, marinados. Dá sabor especial ao molho de tomate. Também usado para diminuir o odor de carnes fortes como dobradinha, mocotó e rabada. Pode usar como chá.

Manjericão: utilizado em molhos para pizzas, molho de tomate (e na maioria das receitas com tomates), molhos para salada, massas, recheios de massas, macarrão, risotos e saladas. Pode também ser usado em carnes, todas as carnes assadas, sopas, ovos, peixes, aves, leguminosas e cereais. É indicado para ser usado quase no final da preparação para que ele não perca o sabor. É muito usado no molho pesto.

Manjerona: usado no final de cozimentos de carne (como porco e carneiro), vegetais, feijão, lentilhas e molhos. Também pode ser utilizado em peixes, peixes ensopados, aves, ovos, queijos, pizzas, pães, suflês, batatas, molho de tomate, maioneses, saladas e em muitos tipos de sopas. Pode substituir o orégano por ter aroma semelhante, embora mais requintado. Combina bem com a páprica. O chá é bom para dores de cabeça e insônia.

Missô: para dar sabor a sopas, conservas, molhos, grelhados, frituras e pratos preparados à mesa (culinária japonesa).

Mostarda: utilizadas em sanduíches, em molhos para salada, carnes e aves. É muito utilizada na preparação de picles, comida alemã (salsichas e chucrute) e sanduíches.

Noz moscada: utilizada em molhos, carnes vermelhas, espinafre, ensopados de batata, marinados, assados, legumes, molho branco, doces de sabor delicado, pães de massa fina, purê de batata, bebidas à base de chocolate. Utilizada tanto para salgados quanto para doces. Deixa um sabor diferente em recheio de massas, em carnes e até em coquetéis.

Orégano: para temperar pratos típicos da cozinha italiana, como molhos de tomate, berinjela à parmegiana, massas e pizzas. Também pode usar em omeletes, saladas, caldos de verdura, em carnes, peixes e aves.

Páprica: existe em dois tipos, a apimentada e a doce, mais suave, utilizada em ensopados, patês, carnes e aves. Muito utilizado na culinária húngara. Também utilizada no Goulasch, em arroz, pratos com ovos, carne de porco, molhos para salada, sopas e em algumas saladas.

Pimenta branca: utilizada em pratos mais claros como molho branco, carnes brancas, peixes, sopas claras e maioneses. Usada também no tempero de saladas.

Pimenta Caiena: utilizada em queijos, peixe, qualquer tipo de carne.

Pimenta da jamaica: usada em sopas, molhos, marinados, bebidas, picles, patês, berinjela, cenoura, frango, carne, ensopados ou legumes cozidos. Muito usada na cozinha Síria. Moída pode ser utilizada em bolos, biscoitos, sorvetes, pudins, molho para churrasco e picles de ovos.

Pimenta do reino: utilizada em praticamente todos os tipos de pratos, como saladas, peixes, carnes vermelhas e marinados. Em grãos, entra no preparo de conservas.

Pimenta Vermelha ou Calabresa: utilizada em molhos de tomate e saladas, aves, peixes, frutos do mar, patês, pizzas, pratos mexicanos e italianos.

Pimenta síria ou Bhar: usada na cozinha de várias regiões árabes.

Salsa: pode usar em omeletes, legumes, farofas, saladas, carnes vermelhas, carnes brancas, aves, peixes, marinados, molhos e sopas.

Sálvia: para temperar pães, queijos, carnes, carne de carneiro, cabrito, porco, frango, peixes, molhos, recheios, saladas, molhos diversos e pratos da cozinha italiana.. Contrabalança com a gordura da carne de pato, ganso e suína. É essencial em muitos tipos de linguiça e dá realce a vários pratos com tomate e queijo. Pode substitui a folha de louro na condimentação de carnes e em cozidos. O chá tem propriedades anti-inflamatórias, serve para asma, gripes, resfriados, amidalite e faringites. Use com moderação.

Shoyu: é um ingrediente essencial na cozinha chinesa, mas de origem japonesa. Os chineses preferem usar este molho para os ensopados ou para mergulhar os alimentos nele.

Tahine: usado na culinária árabe, para molhos e pastas.

Tomilho: para temperar legumes, molhos, queijos,recheios, saladas, sopas, peixes, aves, frutos do mar e todo tipo de carne. Também é usado em patês, legumes, vinagretes de alho e como aromatizador de vinagres. A infusão de folhas e ramos misturados com mel formam um ótimo remédio contra a ressaca.

Urucum: um corante usado em vários pratos à base de arroz, farofa, legumes, frango, peixes, mariscos, camarões, crustáceos, moquecas e carnes em geral, como carne de porco e de boi.

Vinagre: usado em molhos e saladas.

Vinagrete (molho à): mistura de vinagre, água e óleo em partes iguais, à qual se junta salsinha, cebola, tomate e, às vezes, pimentão. Usado para temperar carnes, aves, peixes e vegetais, ou como acompanhamento.

 

image_pdfimage_print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 − 3 =